Notícias

Oportunidade para a exposição de produtos, conhecimentos, técnicas e habilidades pessoais    

A Junta de Freguesia de Avanca vai organizar a 4.ª Feira da Primavera de Artesanato de Avanca, no dia 25 de Abril de 2017.

A Feira do Artesanato representa uma oportunidade para a exposição de produtos, conhecimentos, técnicas e habilidades pessoais.

Obras de arte confeccionadas ao abrigo da simplicidade, da naturalidade e da humildade característica dos artesãos que se revelam no nosso dia-a-dia.

Os artesãos regressam a Avanca para a envolver numa atmosfera de cor, alegria e animação.

 

Circuito português de música ao vivo, que percorrerá Portugal no próximo Outono          

Terminado o prazo de inscrição de grupos, foram 255 as candidaturas recebidas para a 21º edição do OuTonalidades - circuito português de música ao vivo, que percorrerá Portugal, e não só, no próximo Outono. 

Entretanto, já decorre o período de adesão para os Espaços de música ao vivo interessados em acolher o OuTonalidades 2017.

Após as candidaturas de grupos, está já aberto o período de adesão dos Espaços de música ao vivo (cafés-concerto, bares de teatros, espaços culturais associativos e pequenos auditórios) interessados em acolher os concertos da 21ª edição do circuito português de música ao vivo. 

Os 255 grupos inscritos nesta fase prévia, cujo processo terminou a 31 de Janeiro, são maioritariamente portugueses (148) mas também há 107 grupos estrangeiros (de Espanha, França, Holanda, Itália, Marrocos, Alemanha, Argentina e Brasil), que podem constituir oportunidades de intercâmbio com o circuito.

Os grupos candidatos passarão agora por uma pré-selecção, da qual resultará a Bolsa de Grupos que será disponibilizada aos Espaços de música ao vivo que, por todo o país, acolherão os concertos do 21º OuTonalidades, circuito coordenado pela d’Orfeu AC. 

Em 2017, mantém-se a estratégia de colaboração com outros circuitos e festivais, tanto no estrangeiro como em Portugal, alargando as oportunidades do circuito para além do Outono. 

Esta área do OuTonalidades tem registado um desenvolvimento assinalável, gerando uma crescente promoção da música portuguesa além-fronteiras, ao mesmo tempo que é  conferido um traço cada vez mais internacional à programação do OuTonalidades em território português.

Reforçando uma prática das edições anteriores, para o processo de pré-selecção de grupos a d’Orfeu está a convidar vários músicos, jornalistas, produtores e programadores do meio cultural, na qualidade de Conselheiros do OuTonalidades 2017, que partilham o seu conhecimento e experiência com vista à promoção da melhor música nacional e internacional.

 

Para além do corso, o Carnaval murtoseiro contemplará ainda as chamadas “Noites de Folia” 

No próximo dia 25 de Fevereiro, pelas 14H00, sairá à rua o tradicional desfile do carnaval infantil, numa organização conjunta do Agrupamento de Escolas da Murtosa e da Câmara Municipal. 

 Pelo 28º ano consecutivo, centenas de crianças dos estabelecimentos de ensino do Concelho irão desfilar no centro da vila, num colorido e animado corso que conta também com a participação de muitos grupos de adultos.

 Este ano, o percurso do corso carnavalesco terá algumas alterações, devidamente consensualizadas com a direção do Agrupamento de Escolas da Murtosa que possibilitarão melhorar a fluidez do desfile, aproveitando a existência do novo arruamento de ligação da rotunda das piscinas ao infantário e, por outro lado, que no troço final o cortejo se cruze, possibilitando que as crianças das escolas se vejam umas às outras.

 Assim, a saída será, como habitualmente, da antiga escola Padre António Morais da Fonseca, só que, ao contrário do que é habitual, o desfile seguirá para sul, em direção à rotunda das piscinas. 

Daí seguirá pelo novo arruamento até ao infantário da Santa Casa, rumando depois até à chamada “rotunda da Santa Casa” , virando à esquerda, frente à Santa Casa, pela Rua António José de Freitas Guimarães, até à Praça Jaime Afreixo.

 Do centro, seguirá pela Avenida 29 de Outubro, Rua Carlos Sousa Ferreira, “rotunda da Caixa Agrícola”, Avenida Padre António Morais da Fonseca, “rotunda dos Bombeiros”, Avenida do Emigrante e “rotunda das piscinas”, terminando, novamente, na antiga escola Padre António.

Para além do corso, ponto alto dos festejos de Entrudo, a programação carnavalesca Murtoseira contemplará ainda as chamadas “Noites de Folia”, dinamizadas pelos Grupos de Carnaval com a colaboração da Câmara Municipal da Murtosa, que decorrerão numa tenda montada nas antigas instalações da Escola Padre António, com tasquinhas de comes-e-bebes e a actuação de bandas e Djs convidados convidados, nos dias 18 e 24 de Fevereiro a partir das 22h00. 

No sábado, dia 18, a animação estará a cargo da “Tok Band” e dos Djs Cunha e Rainbow. No dia 24, sexta-feira, será a vez da banda “Ginga Morena”, com o “after-hours” a ser garantido novamente pela dupla de Djs Cunha e Rainbow. A entrada é livre.

 

Corso infantil foi o primeiro grande desfile dos festejos carnavalescos deste ano            

O primeiro grande desfile dos festejos do Carnaval de Estarreja apresentou-se hoje tendo contado com a participação de associações, instituições, escolas, educadoras, professores e pessoal não docente, pais e encarregados de educação.

As figuras principais foram no entanto os foliões mais pequenos que ao tomarem conta da cidade para brincarem ao entrudo, assim garantem a perenidade do carnaval estarrejense.

Foram igualmente muitos os espectadores que se juntaram à festa num espectáculo que trouxe criatividade, magia e folia. 

Organizado pela Câmara Municipal, com o apoio da Associação do Carnaval de Estarreja, a edição deste ano do Carnaval Infantil contou com a participação de 14 grupos, 1370 participantes e 14 carros alegóricos, e com a graça dos Reis de Palmo e Meio, D. Matilde, a Patinadora, e D. Pedro, o Simpático, que fecharamo desfile.

A edição de 2017 do Carnaval Infantil reuniu crianças e adultos acompanhantes, incluindo os pequenos mascarados que frequentam a creche e a educação pré-escolar e os alunos dos 1º e 2º ciclos do ensino básico. 

É tradição em Estarreja que as crianças comecem a desfilar mesmo que ainda não tenham idade para andar, incutindo-se desde muito cedo o espírito folião que caracteriza o Entrudo no concelho. 

As máscaras e as fantasias foram concebidas pelos grupos, desde instituições particulares de solidariedade social, associações de pais e escolas, que trouxeram para a rua um tema da sua escolha, envolvendo as crianças na concretização de algumas tarefas.

 

Pág. 1 de 44